Projecto


A Neoturf, integrou a equipe vencedora do 6º Festival Internacional de Jardins de Ponte de Lima, em 2010, com a proposta "Kaos Suspenso".

Ao festival concorrem equipas de projecto de todo o mundo, que são sujeitas a uma pré-selecção, de um júri composto por vários especialistas. As propostas seleccionadas ficam em exibição durante um ano e a vencedora é aquela que recolhe mais votos dos visitantes.

Veja o vídeo onde poderá desfrutar de uma “viagem” pelo "Kaos Suspenso".

 

O projecto de arquitectura paisagista e de arranjos exteriores é, antes de mais, o responder de forma tecnicamente correcta, a uma disponibilidade de espaço que se quer adaptar para local de convívio com a Natureza, tendo objectivos particulares e diversos.

A paisagem, o clima e a vegetação são diferentes de região para região, e os espaços verdes não devem alterar essa harmonia.

Não só os jardins no campo ou inseridos na natureza estão influenciados pelo carácter do quadro natural; também nas cidades, jardins fechados por ruas e edifícios estão muito influenciados pelo clima, luminosidade do céu, atmosfera alegre ou melancólica, a história ou as tradições do local, entre outros factores que são indissociáveis.

O início de um projecto começa com a observação atenta de todos os elementos que influenciam a identidade do lugar, e portanto do jardim, tendo em vista a compreensão do seu espírito e da sua essência: a vegetação local, os jardins próximos, o ritmo da paisagem, os detalhes arquitectónicos, os materiais típicos, as tradições locais, e os costumes predominantes.

Um jardim particular tem que harmonizar com a casa e reflectir os gostos, os costumes e as exigências dos seus proprietários. Nesse sentido, também é indispensável realizar a análise da forma de viver das pessoas que vão usufruir desse espaço, para que o projecto se ajuste perfeitamente com o seu modo de vida, as suas preferências e as suas disponibilidades.

A Neoturf encara os projectos de arquitectura paisagista, quer sejam públicos ou privados, como o resultado de uma equipe inter-disciplinar. Não será preponderante o traço da arquitectura ou o estudo das drenagens da engenharia, ou até a visão dos usos e costumes dados pela sociologia; o interessante é a construção, em equipe, de um conceito que resulte no melhor resultado final, dentro dos objectivos propostos e do respeito pela Paisagem Natural.

Neoturf participa em projectos nas mais diversas formas. Ou como responsável pelo projecto de arquitectura paisagista no seu todo, ou em pareceres técnicos na área das engenharias: sistemas hidráulicos e outros, na avaliação e intervenção florestal, etc..

Resumidamente intervém em todas as áreas técnicas necessárias para o desenvolvimento de espaços verdes agradáveis e sustentáveis: modelação de terreno, preparação de solos, escolhas botânicas, drenagens, sistemas de rega, iluminação, mobiliário exterior, etc..

Para conseguir resolver tantos desafios, a Neoturf tem uma equipe técnica própria, constituída por profissionais licenciados nas áreas da Arquitectura Paisagista e Engenharia Agrónoma. Esta equipe encontra-se em permanente desenvolvimento de projectos bem como, desenvolve trabalhos de investigação.

Desta forma a Neoturf oferece aos seus clientes a garantia que alcançará sempre o melhor resultado criativo e técnico, dentro dos custos previsto.

 

A obra de arquitectura paisagista é paisagem para o Homem, é algo irreal que só depende da percepção dos sentidos.